quarta-feira, 15 de outubro de 2014

ACUSAÇÃO IRREGULARIDADE - INDEFERIMENTO RECURSO INICIAL MAL ELABORADO E SEM SUSTENTAÇÃO TÉCNICA - SUSPENSÃO FORNECIMENTO - ACORDO PAGAMENTO - NOVA DEFESA TÉCNICA - CANCELAMENTO E DEVOLUÇÃO DE VALORES

Consumidora tem locada LAN HOUSE. Houve inspeção e acusação de irregularidade com cobrança de R$ 48.497,82, por diferença a menor de consumo de energia. Foi contratado defensor que ingressou com reclamação nos órgãos fins, mas indeferido, sendo a energia suspensa e o pagamento como condição de restabelecimento. Foi parcelado em 29 parcelas de R$ 1.248,98. A consumidora encontrou o www.gatodeenergia.com, e entrou em contato com a equipe. E depois de orientada, recuperou os documentos e encaminhou pelo email da SOLAR Consultoria, que analisou. Após, elaborou defesa técnico voltado à falhas realizadas pela CPFL Paulista e ingressou com nova solicitação à OUVIDORIA DA ARSESP, que analisou com o vagar devido, e acatou a tese apresentada na solicitação de defesa CANCELANDO a irregularidade, a multa e o Termo de Confissão de Dívida assinado, com a devolução das parcelas que foram pagas.
Valor cobrado R$ 48.497,82.
A SOLAR CONSULTORIA agradece a confiança da Sra Alessandra, que se livrou de cobrança de dívida considerada, por irregularidade que não existia e ainda assim foi-lhe cobrada valor após o corte de fornecimento de energia na unidade.
Abaixo reproduzimos os documentos com a permissão da consumidora.