sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

Cobrança por irregularidade cancelada, de residencia que foi acusada por irregularidade.
O medidor, apesar de constar variação foi comprovado que era defeito no aparelho.
Consumidora foi cobrada em R$ 2.500,03, que foi cancelado após a defesa técnica elaborada pela SOLAR CONSULTORIA à ACAEELBAS-Associação dos Consumidores de Água e Energia Elétrica da B. Sta.