quinta-feira, 7 de janeiro de 2021

Cobrança por irregularidade no valor de R$ 26.968,36 revisado para R$ 966,44

Apartamento em Santos, Vila Belmiro teve a entrada de energia inspecionada pela terceirizada da CPFL Piratininga - Bureau Veritas do Brasil, que apontou a ocorrência de utilização de imã de neodímio (super imã), em que a inspeção somente foi percebida quando do desligamento da energia na troca do aparelho, o que chamou a atenção do responsável ao descer ao térreo do edifício para verificar os disjuntores de proteção, e que passou a acompanhar o final da mesma.
Meses após foi entregue comunicação com o valor de diferença a menor de consumo de energia de 36.289 KWh, no valor de R$ 27.084,61, do período de 04.2017 até 02.2020, calculado pela base da média dos três maiores valores antes do inicio da anomalia.

Sem alternativa, e destituído de qualquer conhecimento na área técnico-legal, o consumidor contatou a ACAEELBAS que, juntamente com esta  SOLAR CONSULTORIA após os investimentos de praxe combinados estudaram o caso, e verificaram a ocorrência de excesso na cobrança o que ensejou a elaboração de recurso no nome do consumidor sendo acatado no terceiro nível recursal, com a determinação do SERVIÇO DE MEDIAÇÃO ADMINISTRATIVA - SMA/ANEEL para que fosse o valor revisado pela carga levantada no ato da inspeção, estendido até seis meses o que ensejou no consumo de 924 KWh contra os 36.289 KWh cobrados, no valor final de R$ 966,44 contra os R$ 27.084,61.

VALOR TOTAL EXCLUÍDO: R$ 26.114,61     

A SOLAR CONSULTORIA agradece a confiança.

OBS: Documentos abaixo publicados foram por autorização do consumidor.